Bahia

Com toque de recolher, Bahia é o 2º estado com maior taxa de isolamento social

As taxas são medidas pela empresa de tecnologia InLoco.

camera_alt Thiago Gadelha/G1

Considerado uma das principais arma contra o coronavírus, o isolamento social é uma medida para evitar a propagação da doença. As autoridades classificam como extremamente importante o confinamento para ter um controle epidemiológico abrangente.

Para conter a disseminação coronavírus e para o sistema de saúde não entrar em colapso, o governador da Bahia, Rui Costa (PT), anunciou medidas como o toque de recolher, que fica proibido a circulação de pessoas a partir das 20h até as 5h do dia seguinte.

Essa determinação levou a unidade da Federação a ser a segunda com maior taxa de isolamento social segundo dados da empresa InLoco, que mede o índice da medida de propagação nos estados do Brasil desde o início da pandemia.

Em primeiro aparece o Amazonas, com 40,32%. O estado do norte brasileiro ultrapassou a triste marca de 11 mil mortes pela Covid-19 nesta terça-feira (2/3). Além disso, Amazonas enfrentou a segunda onda da Covid-19 entre janeiro e fevereiro onde bateu o pico de casos e mortes.

O Estado da Bahia tem a taxa de 39,38% e está longe do esperado pelos especialistas que é de 70%. O índice da estratégia no Brasil, segundo o InLoco, está abaixo dos 50%. Ainda segundo a empresa, o melhor momento da Bahia aconteceu no dia 27 de fevereiro quando ficou no topo do ranking com 46,21%.

Além do Amazonas e da Bahia, estão em nível razoável os estados: Acre, Ceará e Rondônia.

Nesta terça, Rui Costa ampliou o toque de recolher na Bahia para o final do mês de março. As medidas estabelecidas serão publicadas no Diário Oficial do Estado (DOE) de quarta-feira (3/3). O toque de recolher vale das 20h às 5h, em todo o território baiano, de 3 de março até o dia 1º de abril.

Já as atividades não essenciais, que estavam suspensas no estado desde a última sexta-feira (26/2), poderão ser retomadas a partir de quarta na maioria das cidades baianas, mas com horário de encerramento estabelecido para as 20h e abertura após as 5h.

O comportamento dos brasileiros pode ser acompanhado no Jornal do Sisal que coleta os dados da empresa. A InLoco utilizada dados de geolocalização para monitorar como os brasileiros estão se comportando durante a pandemia de coronavírus. Clique aqui para ir a plataforma.