Bahia

Vereador de Santa Bárbara com Covid-19 ameaça servidora que o pediu para não andar na rua

“Vão tomar… Não vou dizer onde vocês devem tomar, não”, disse em tom alterado no final da ligação.

Jornal do Sisal
camera_alt Reprodução

O vereador Neném de Vidal da cidade Santa Bárbara, no portal do Sertão, ameaçou uma servidora da Secretaria Municipal de Saúde por recomendar que ele não andasse na rua por ter a Covid-19.

Segundo o Bahia Notícias, uma declaração de Jamile Evangelista Lima, foi enviada ao poder público municipal na última quinta-feira (15/06), e também uma ligação gravada por ela com o parlamentar.

Na conversa, Vidal teria repreendido Jamile pela advertência. “Vão tomar… Não vou dizer onde vocês devem tomar, não”, disse em tom alterado no final da ligação. O parlamentar não informou sua condição a prefeitura sendo diagnosticado com o novo coronavírus há 22 dias.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

No documento, a servidora ligou para pedir que ele“se resguardasse em isolamento, sobretudo para a sua proteção, e para a proteção dos cidadãos barbarenses, tendo em vista que estaria descumprindo todas as regras de isolamento e orientações desta Secretaria Municipal da Saúde, bem como do Ministério da Saúde e Organização Mundial da Saúde”.

“Declaro, ainda, que ao ser advertido sobre a ilegalidade de seus atos, ou seja, da impossibilidade (inclusive com repercussões criminais) de uma pessoa infectada pela COVID-19 transitar pela cidade, que a um só tempo coloca em risco a si próprio e a toda população, o mesmo respondeu com críticas e ameaças contra esta servidora e contra o Município de Santa Bárbara/BA”, acrescenta, em outro trecho do documento, enviado á Câmara Municipal, ao Poder Judiciário e ao Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA).

A reportagem tentou contato com o vereador, mas ele não atendeu as ligações.