PUBLICIDADE
Brasil

Contrariado com as medidas restritivas, homem ateia fogo em prefeitura

Aos policiais, ele informou que as medidas anunciadas pela prefeitura tem prejudicado seu trabalho.

Jornal do Sisal
camera_alt Prefeitura de Ribeirão Branco/Divulgação

Imagens de segurança flagrou um homem ateando fogo na prefeitura de Ribeirão Branco, município de São Paulo, na manhã desta quinta-feira (1/4), por ser contrário as medidas restritivas para conter a pandemia de coronavírus.

O cabelereiro, de 46 anos, chegou ao local com um galão de gasolina e começou a atear fogo. Toda a movimentação foi vista pelos servidores, que conseguiram conter as chamas. O suspeito fugiu do local. Ninguém ficou ferido.

Ao comparecer a delegacia de Itapeva (SP), responsável por investigar o caso, ele afirmou que as medidas anunciadas pela prefeitura tem prejudicado seu trabalho.

PUBLICIDADE

Assista ao momento da ação:

O comerciante passará por audiência de custódia nesta sexta-feira (2/4) e o juiz decidirá se ele poderá responder o processo por dano qualificado em liberdade.

A prefeitura de Ribeirão Branco publicou uma nota de repúdio contra o ataque. “Reiteramos nossa tristeza, revolta e repúdio ao ato cometido por pessoas desprovidas de qualquer compreensão do que seja a importância de uma sociedade harmônica”, completou.

“Reiteramos nossa tristeza, revolta e repúdio ao ato cometido por pessoas desprovidas de qualquer compreensão do que seja a importância de uma sociedade harmônica”, completou.