Brasil

Filha de policial simula sequestro após beber e bater o carro

Estudante teve ajuda de dois colegas para forjar o crime

Jornal do Sisal
Reprodução/7 Segundos

Por Da Redação

A universitária Jacyellen Oliveira Barbosa, de 20 anos, pode responder por denunciação caluniosa e falsa comunicação de crime após confessar que simulou o próprio sequestro na madrugada desta quinta-feira (13), em Maceió, capital de Alagoas.

A falsa vítima, que é filha de um policial civil, saiu de casa dizendo que iria para faculdade na noite da quarta-feira (12). Durante a madrugada, houve a comunicação do sequestro e a Polícia Civil iniciou as investigações.

De acordo com o delegado Thiago Prado, o crime foi divulgado nas redes sociais e várias frentes policiais foram empregadas na busca para localizar a jovem. Ela foi encontrada na casa de um amigo e, segundo a polícia, ele e outro colega a ajudaram a simular o sequestro.

Segundo a Polícia Civil, a universitária saiu para beber com amigos em um bar. Quando saiu do estabelecimento comercial, bateu com o carro em uma pedra. Ela teria simulado o sequestro com receio da reação do pai. O trio foi levado até a sede da Divisão Especial de Investigação e Capturas (DEIC) de Maceió.