Brasil

Mulher mata filha de 4 anos e depois comete suicídio em Minas Gerais

O marido informou ainda que saiu para resolver questões particulares e deixou Laura e outros dois filhos, de 19 e 14 anos.

Jornal do Sisal

Uma mãe tirou a vida da própria filha e depois cometeu suicídio na manhã desta segunda-feira (22/06) em Sete Lagoas, em Minas Gerais. De acordo com o BHAZ, Fabiana Aparecida Fernandes Teixeira Nascimento, de 46 anos, utilizou um revólver do marido para matar Laura, de 4 anos, e depois tirar a própria vida. Não foi informado a profissão do homem ou a situação da arma.

Segundo a Polícia Militar (PM), o caso aconteceu enquanto as duas estariam sozinhas em casa. Ao chegar, o marido conta que encontrou as duas sem vida e acionou a corporação. Os policiais informaram que Fabiana atirou na filha e depois atirou na cabeça.

À pedido da mãe, os filhos haviam ido ao supermercado. Quando voltaram, a porta do quarto estava trancada e ninguém respondia. Com isso, os dois arrombaram a porta e se depararam com a mãe e a filha já sem vida.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionado e confirmaram o óbito das duas. O marido informou ainda que saiu para resolver questões particulares e deixou Laura e outros dois filhos, de 19 e 14 anos. Ao voltar, encontrou os outros filhos chorando na porta de casa.

Não foi informada a autoria e motivação do crime. O caso segue em investigação.

 

 

  • Notícias sobre