Economia

Caixa anuncia linha de crédito com antecipação do saque-aniversário do FGTS por até três anos

Expectativa é de que mais de 1 milhão de trabalhadores façam a adesão; valores podem ser disponibilizados na segunda

Jornal do Sisal

Com o objetivo de amenizar os impactos econômicos provocados pela pandemia, a Caixa anunciou, nesta quinta-feira (23/7), uma nova linha de crédito. Os trabalhadores poderão antecipar até três parcelas do saque-aniversário do FGTS.

Assim, não será necessário esperar o mês de aniversário chegar. Além do valor referente a 2020, os trabalhadores poderão sacar parcelas referentes a 2021 e 2022. O valor mínimo total é de R$ 2 mil, desde que haja saldo na conta do FGTS.

Em transmissão ao vivo nas redes sociais, o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, disse que espera que mais de 1 milhão de trabalhadores façam a adesão:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“Nossa expectativa é de que essa linha tenha ao redor de R$ 5 bilhões. É uma linha muito interessante para os trabalhadores, muito rápida, ágil e, neste momento de pandemia, facilita para que os trabalhadores não precisem ir às agências”, disse Guimarães.

Conforme Guimarães, a adesão ao saque já pode ser feita, e a liberação do valor estará disponível a partir da próxima segunda-feira (27/7). A assessoria de imprensa da Caixa informou que quem sacou o auxílio emergencial também poderá ter acesso ao benefício, já que são programas diferentes. O mesmo vale para quem fez a retirada do saque emergencial do FGTS de até R$ 1.045.

Todo o processo é feito de maneira digital. Os canais utilizados são o site e aplicativo do FGTS ou o sistema de internet banking da Caixa. Os beneficiários poderão optar por outros bancos para o recebimento do crédito.

A taxa de juros é a mais baixa para empréstimos a pessoas físicas, de 0,99% ao mês.

  • Notícias sobre