Mundo

Marido da Rainha Elizabeth II, príncipe Philip, morre aos 99 anos

Casado com a rainha desde 1947, o Duque de Edimburgo completaria 100 anos no dia 10 de junho.

Da Redação
camera_alt Reprodução/Twitter @RoyalFamily

O príncipe Philip, marido da rainha Elizabeth II, morreu nesta sexta-feira (9/4). A informação foi revelada pelo Windsor, sem divulgar a causa da morte.

Casado com a rainha desde 1947, o Duque de Edimburgo completaria 100 anos no dia 10 de junho.

“É com profunda tristeza que Sua Majestade a Rainha anunciou a morte de seu amado marido, Sua Alteza Real, o Príncipe Philip, Duque de Edimburgo. Sua Alteza Real faleceu pacificamente esta manhã no Castelo de Windsor”, informou a família real britânica, em sua conta no Twitter.

Ele foi internado em fevereiro passando quatro semanas no hospital de Londres para tratar de uma infecção e para fazer um procedimento cardíaco. No dia 16 ele recebeu alta.

“Nós agradecemos como nação pela vida do príncipe Philip”, disse o primeiro-ministro britânico Boris Johnson em uma rápida coletiva.

O quase rei nasceu em 10 de junho de 1921, na Ilha de Corfu, na Grécia. Tataraneto da rainha Victoria da Inglaterra, junto com sua esposa, nasceu com o título de príncipe da Grécia e da Dinamarca, filho da princesa Alice de Battenberg e do príncipe Andrew, da Grécia.

Ele participou de história que vão além do Reino Unido. Teve participação ativamente das batalhas na Segunda Guerra Mundial.

Ele é a rainha Elizabeth se conheceram em 1939, quando ele tinha 18 anos e ela, 13. O rapaz havia sido encarregado de acompanhar a futura rainha e sua irmã Margaret durante uma visita a um centro de treinamento da Marinha. Para ter a liberação para casar, Philip teve de abrir mão de seus títulos gregos e dinamarqueses. Eles se casariam oito anos mais tarde, em 1947, depois de Philip se converter ao anglicanismo e renunciar aos seus títulos anteriores.