PUBLICIDADE
Política

Presidente da Venezuela: variante brasileira deveria se chamar “Bolsonaro”

No balanço oficial da Covid-19 no país, presidente da Venezuela ainda se referiu a Bolsonaro como “louco, psicopata”

Micael Levi
camera_alt Manaure Quintero/Reuters

O presidente da Venezuela, Nicólas Maduro, voltou a atacar o presidente brasileiro Jair Bolsonaro ao falar sobre seu balanço oficial da covid-19 no país neste domingo (4/4). Ele afirmou que a variante brasileira deveria se chamar “Bolsonaro”, chamando o mandatário de “louco, psicopata”.

“A mutante brasileira deveria se chamar mutante Bolsonaro, porque ele é culpado por abandonar o seu povo, por ser louco, insensível, psicopata”, disparou Maduro.

“É um psicopata, não lhe interessa as pessoas do Brasil, só a sua loucura. E veja a situação em que meteu Brasil e a humanidade. Brasil é o epicentro”, completou o presidente da Venezuela.

PUBLICIDADE
Nicolás Maduro, presidente da Venezuela, presenteia presidente Dilma Rousseff com uma imagem do falecido coronel Hugo Chávez – REUTERS/Ueslei Marcelino/VEJA

Aplaudido pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e pelo Partido dos Trabalhadores, o país liderado por Maduro vive uma incessante crise econômica comandada pelo seu autoritarismo. A crise humanitária levou alguns estados do norte brasileiro a aumentarem o total populacional devido aos inúmeros refugiados que chegam.