Política

Senador divulga áudios de reunião com Bolsonaro, passal mal e é levado para hospital

No áudio é possível ver uma possível pressão por parte de Bolsonaro para ampliar a CPI para apurar os governadores e prefeitos.

Micael Levi
camera_alt Edilson Rodrigues/Agência Senado

O senador Jorge Kajuru (Cidadania-GO) divulgou nas redes sociais áudios de uma conversa que teve com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) sobre a CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Covid.

No áudio, Bolsonaro pressionar o senador a ampliar a CPI para investigar os governadores e prefeitos. “Se não mudar o objetivo da CPI, ela vai vir para cima de mim. O que tem que fazer para ser uma CPI útil para o Brasil: mudar a amplitude dela, bota presidente da República, governadores e prefeitos”, afirmou.

A comissão foi instalada por determinação de Luís Roberto Barroso, ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) e deve apurar as omissões do governo federal no combate a pandemia, como é o caso da falta de oxigênio em Manaus que elevou o número de mortes no início do ano. Antes da determinação de Barroso, as opiniões se divergiam em relação a criação da CPI.

Segundo Bolsonaro, a comissão vai ouvir somente envolvidos que pertencem ao seu governo. Ele disse que Kajuru “pressionar o Supremo para colocar em pauta o impeachment (de ministros) também”. O senador, em resposta, afirma que já fez isso entregando o pedido que o ministro do STF Alexandre de Moraes seja investigado.

Depois da divulgação dos áudios, o senador teve uma crise de hipoglicemia e teve de ir ao médico. O parlamentar tem diabetes e já foi internado pelo mesmo motivo outras vezes.