Região do Sisal

Considerado o epicentro regional do coronavírus, Assis autoriza a abertura de academias em Conceição do Coité

Bares, restaurantes, lanchonetes e similares também poderão retomar suas atividades. 

Jornal do Sisal
camera_alt Reprodução

O prefeito de Conceição do Coité, Francisco de Assis (PT), autorizou nesta segunda-feira (31/8), o funcionamento de academias de ginástica em Conceição do Coité, cidade da região do Sisal na Bahia, considerada o epicentro regional do novo coronavírus.

A categoria só poderá funcionar das 05h às 21h. Além de academias, foram autorizadas atividades aquáticas desde que ocorra individualmente. Bares, restaurantes, lanchonetes e similares poderão retomar suas atividades.

No próximo domingo (06/8), a feira livre, assim como óticas e comércio essenciais devem funcionar até as 13h. As atividades religiosas, que incluem missas e cultos, foram mantidas com o mesmo horário – duração máxima de 1h, intervalo mínimo de 2 horas entre elas, sem a presença de pessoas pertencentes a grupos de risco e crianças.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“O uso da máscara segue sendo obrigatório em todo o território municipal, e todo o protocolo de biossegurança e recomendações do Ministério da Saúde e Secretaria de Saúde do Estado, deverão ser observados”, escreveu em uma postagem nas redes socais.

Nesta segunda, no mais recente balanço da Secretaria Municipal de Saúde, a cidade sisaleira registrou 1.577 infecções provocadas pelo novo coronavírus. Entre os casos acumulados desde o início da pandemia no município, 1.483 são considerados recuperados e 88 ainda encontram-se ativos.

O surto de doença em Conceição do Coité aconteceu no final de julho, fazendo 6 pessoas vítimas da doença respiratório. Desde lá, Assis autorizou o funcionamento da Feira Livre e do comércio, registrado 95 pessoas infectadas naquela semana.

Além de ser o epicentro regional da doença, o município lidera no número de recuperados, maior que Serrinha com 1.021, ficando em segundo no território.