Região do Sisal

Covid: Território do Sisal chega a 497 falecimentos depois de registros em Cansanção e Quijingue

s secretarias de Saúde das cidades não divulgaram detalhes dos óbitos, somente que tinham comorbidades.

camera_alt Jornal do Sisal

O território do Sisal na Bahia chegou a marca de 497 falecimentos em decorrência da doença Covid-19, provocada por um coronavírus, segundo a atualização do Painel Covid-19 feita pelo Jornal do Sisal na manhã desta terça-feira (25/5).

Os registros de mortes aconteceram em Cansanção e Quijingue. As secretarias de Saúde das cidades não divulgaram detalhes dos óbitos, somente que tinham comorbidades.

O ritmo de contágio e registro de mortes por Covid-19 na Região do Sisal tem diminuído em relação a onda que vivenciou em abril, fazendo os gestores adotarem novas medidas preventiva. Agora os olhos estão voltados para Monte Santo, que viu seu número de ativos aumentar de maneira expressiva.

No território foram identificados 35.196 pessoas positivadas desde o início do surto. Deste total, 34.001 são considerados recuperados e 731 ativos.