Região do Sisal

Depois de lockdown, Monte Santo contabiliza 40 mortes relacionados a Covid-19

A quantidade faz a cidade sisaleira chegar a taxa de 2,57%, abaixo da taxa nacional (2,80%), porém acima da taxa da Bahia (2,12%).

camera_alt Reprodução/PROcapacitar

Após de viver uma semana de confinamento total, fechamento do comércio e toque de recolher como forma de prevenção ao coronavírus, o município de Monte Santo, na região sisaleira da Bahia, chegou a triste marca de 40 mortes relacionadas a Covid-19.

No boletim divulgado na noite desta quinta-feira (18/6), a Secretaria Municipal de Saúde informou que foram dois novos falecimentos. A pasta não informou detalhes sobre as vítimas em relação a sexo, idade, onde residem, se tinham comorbidades e onde residem.

Segundo observação do JS Dados, a quantidade faz a cidade sisaleira chegar a taxa de 2,57%, abaixo da taxa nacional (2,80%), porém acima da taxa da Bahia (2,12%).

O ‘lockdown’ mostrou sua eficácia na quantidade de ativos, que chegou a 78, pois quando a prefeita Silvana Matos decretou o confinamento total da população, o número de ativos estava muito elevado chegando a ultrapassar os 200.

Desde o início da pandemia, Monte Santo registrou 1.556 casos positivos, destes, 1.438 estão recuperados. Entre os ativos, sendo que dois estão internados no município e 76 em isolamento domiciliar.