Região do Sisal

MPT vai investigar morte de homem natural de Valente eletrocutado

A SRT foi acionada para fazer o estudo que vai determinar se houve falhas, sendo peça fundamental para o inquérito do MPT.

camera_alt Reprodução

O Ministério Público do Trabalho (MPT) abriu um inquérito que investiga a morte de Osman Cunha de Oliveira, 49 anos, quando estava trabalhando em um poste na Barra do Jacuípe, no litoral de Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador (RMS). Ele é natural de Valente, cidade localizada na Região do Sisal na Bahia.

De acordo com a Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba), Osman trabalhava em uma empresa de telecomunicações e no momento do acidente, que aconteceu nesta segunda-feira (27/9), estava instalando uma rede telefônica.

A causa da morte é tratada como um acidente, mas o órgão iniciou uma apuração na terça-feira (28/9) como objetivo de apurar a causa da morte do profissional. São investigadas prováveis falhas no cumprimento das normas de saúde do trabalho para levar a punição dos responsáveis.

De acordo com o G1, a Superintendência Regional do Trabalho da Bahia (SRT-BA) foi acionada para fazer o estudo que vai determinar se houve falhas, sendo peça fundamental para o inquérito do MPT. Com esses dados colhidos, o órgão irá punir os responsáveis, como a reparação dos danos em um ajuste de conduta ou uma ação judicial.