PUBLICIDADE
Região do Sisal

Região do Sisal registra 17 mortes por Covid-19 no intervalo de 24h

O total de mortes chegou a 360 e a pandemia não completou um ano no território.

Micael Levi
camera_alt Michael Dantas/AFP

O Território do Sisal a cada dia tem registrado morte por covid-19, mas nunca chegou a registrar 17 falecimentos em um só dia como nesta terça-feira (23/3), quando o Brasil também bate recorde diário de mortes provocados pela doença respiratória.

Com isso, podemos afirmar: é os piores dias da pandemia vivenciado pela região desde quando o primeiro caso da covid-19 em 25 de março foi confirmado. O total de mortes chegou a 360 e a pandemia não completou um ano no território.

A região na Bahia também registrou um aumento expressivo em número de casos. Foram 492 novos casos, chegando ao total de 28.919 desde o início da pandemia.

PUBLICIDADE

Na observação de casos ativos, o número está em queda desde o dia 14 de março. O total é de 1.172, com menos 17 desta terça.

O território está vacinando os grupos prioritários usando doses das vacinas Coronavac e da Oxford.